quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Noticias

Copom interrompe política de corte de juros e mantém Selic em 8,75%
Publicidade
por EDUARDO CUCOLOda Folha Online, em Brasília

O Copom (Comitê de Política Monetária do Banco Central) decidiu nesta quarta-feira manter inalterada a taxa básica de juros em 8,75% ao ano. A decisão de hoje, que já era esperada pelo mercado financeiro, interrompe uma sequência de cinco cortes consecutivos na taxa Selic, que vinha sendo reduzida pelo BC desde janeiro.
Na nota divulgada para justificar a decisão, o Copom afirma que o nível atual da taxa de juros é capaz de garantir a recuperação da economia sem gerar pressões inflacionárias.
"O Comitê avalia que esse patamar de taxa básica de juros é consistente com um cenário inflacionário benigno, contribuindo para assegurar a manutenção da inflação na trajetória de metas (...) e para a recuperação não inflacionária da atividade econômica", diz a nota do BC.
No começo de 2009, os juros estavam em 13,75% ao ano. Na reunião do Copom de janeiro, foi realizado o primeiro corte desde a piora da crise econômica registrada a partir de setembro, para 12,75% a.a.. Na reunião de março --as reuniões sobre a taxa básica são realizadas a cada 45 dias-- os juros caíram mais, para 11,25% ao ano.
Em abril e junho os cortes foram de um ponto percentual. Na reunião de julho, no entanto, o BC reduziu a intensidade do corte para 0,5 ponto percentual e indicou que não haveria mais nenhuma redução dos juros neste ano.
O Copom ainda tem mais duas reuniões neste ano, em outubro e dezembro. Porém, a previsão do mercado financeiro é que a taxa permaneça no nível atual até 2010. Para o próximo ano, com a retomada do crescimento econômico, a expectativa dos economistas é que os juros voltem a subir.

Um comentário:

  1. Adorei seu blog, muito bom mesmo, gostei muito, parabéns, continua assim, vou ate segui seu blog, quando de da uma olhada no meu ta!
    http://henrique199.blogspot.com/

    ResponderExcluir